25.7.12

Semana da Educação

Acontece na Cidade, a 16ª Semana da Educação, antiontem recebemos Eduardo Shinyashiki, irmão do Roberto. Fez uma palestra-show, estilo auto ajuda. Não é meu estilo, contudo pelo preço que pagamos, mesmo sendo "entrada franca", não custa apreciar e tirar o máximo proveito. Ele abordou o ato da comunicação, focando que as palavras pesam 7%, o tom de voz, 38% e a expressão corporal, 55%.
Ontem foi a vez de Ivan Capelatto! Maravilha!!! Ficou em meio à platéia e deu uma aula de neurociência... nada de tom de voz, expressão corporal. Simples e perfeito! Passou slides e abordou as amigdalas cerebrais e sua importância no comportamento humano (são duas, uma em cada emisfério) e são responsáveis por nosso instinto de preservação.
Abordou o medo (de perder um prazer) como causador da raiva, sendo que esta é uma reação natural e orgânica e não sentimento psicológico, rebeldia. O medo e a raiva vieram da ativação das amigdalas cerebrais. A raiva é sempre filha do medo, e ambos fazem um tripé com a culpa para gerar um ser emocionalmente saudável. 
Os pais devem dar limites claros, e aguentar a raiva (logo ela passa) e não agir com indiferença para parecerem bonzinhos. Isso ajuda na ativação das funções pré frontais (a região do juízo moral), que só terminarão de se formar após os 20 anos (mas podem ser ativadas parcialmente o quanto antes).
Falou da angústia como consequência ao final de algo prazeroso, aquele vazio que nos acolhe: no fim da semana, da festa, do dia. É algo inerente à condição humana, aprender a lidar com ela é algo que está ligado à forma que fomos cuidados até cerca de quatro anos de idade.
Crianças que tenham muitos cuidadores, inconstância (ora é a mãe, avó, babá, escolinha...) têm mais dificuldade em desenvolver senso crítico e consequentemente terão mais dificuldade em sublimar a angústia.
   Theatro Municipal    
Quarta, dia 25 - Leila Navarro / quinta, dia 26, Daniel Godri; sempre às 20h00.
Fonte das imagens:  daqui   

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Desativado

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.