28.9.12

Gastrite X goiabas

Fonte:  esta    
A mais de dez anos, sofro de dores (fracas) no estômago. A chamada "dor de vacuidade" atacava entre meia-noite e duas da manhã, visto que sempre me alimento até 19 horas (durmo cedo).
Eu perco mais de duas horas, do melhor de meu sono toda noite, em épocas de crise... 
Vou chamá-la genericamente de gastrite, embora alguns especialistas discordem do nome.
Quando o estômago está vazio e sem movimentar-se, em época de crise, eu acordo com o desconforto, a me impedir o sono.
Durante o dia, evito estômago vazio, previno logo com água ou alimento. Em crises mais fortes, claro que dói também de dia.
No plantão do plano de saúde, recebo receita de Omeprazol aos  punhados. Até Ranitidina tomei.
Sempre há recomendação para uma endoscopia, que evito... podem me introduzir mais bactérias com os tubos... sei lá! Já chegam as minhas (se as tiver).
Falando da tal estirpe de bactéria,  parece que é tão comum e fácil de se conviver "pacificamente", quanto difícil de se erradicar.
Minha  avó me ensinou a usar bicarbonato de sódio. Muito bom, todavia, após anos, enjoei dele.
Quando fui diretora da creche, pelo estresse e falta de rotina, sentia uma ferida doendo quase permanentemente no canto superior esquerdo.
Evito cítricos, abacaxi, maracujá, carambola, acerola, e produtos que fermentem demais no estômago: carboidratos com derivados do milho e mandioca (até biscoitinho branco é um veneno, quando em crise).
Leite e derivados, assim como café, eu diminuo, sem contudo eliminar (pêssego, uva e maçã também fermentam). 
Evito tudo que leva vinagre. Frango ou peixe temperado com limão, pimenta. Salada, só sem tempero ácido.
Arroz e batata são carboidratos amigos, assim como farinha de trigo sem fermento. Suco de caju também é ótimo.
Onde quero chegar? No fim do ano, minha cachorrinha, após 15 anos comigo, morreu. A gastrite explodiu porque foram quatro dias terminais.
Logo iniciou-se a safra de goiabas, que neste ano, foi excepcional. Passei a colhê-las e congelar a polpa, visto que o "Fiotão" adora! E aqui ha´ goiabeiras em qualquer beira de estrada.
Então percebi que o suco de goiabas estava fazendo milagres. Cadê a gastrite?
Hoje não vivo sem o suco, faço manutenção toda semana. Comer a fruta não faz o mesmo efeito.
Se há bactérias, elas estão domesticadas e calminhas, devido às goiabas. Uma fruta rende um litro de suco, com o miolo batido em separado, para coar as sementes.
Comentei com a Tia "Nenen". Ela disse que na roça, o chá de brotos de goiabeira era o remédio de gastrite... e eu não soube antes?
Suco de alface e água de canela também ajudam, pois são calmantes e não ácidos. A canela ameniza a inflamação na parede estomacal.

14 comentários:

  1. OI TUDO BEM !!
    OI ADOREI SEU BLOG JÁ ESTOU SEGUINDO PODERIA POR GENTILEZA SEGUIR O MEU TAMBÉM , É :- http://brechodosul.blogspot.com.br , VAI DAR UMA OLHADINHA SERÁ UM PRAZER EM RECEBER

    OBRIGADA AGUARDO SUA GENTILEZA

    MARCIA REGINA - DESCULPE-ME A LETRA GRANDE MAS SOU DEFICIENTE ESPECIAL

    ResponderExcluir
  2. Oi Márcia!
    Grata pela visita, te visitarei ainda hoje à tarde...
    Um abraço,
    Cri.

    ResponderExcluir
  3. Salam, Cri!

    agradeço de coração seu carinho em relação à morte de meu cachorrinho de estimação. Eis que há uma grande coincidência com o seu texto e o meu bichinho: ele colhia goiabas do pé e se alimentava mais de goiabas do que ração. Era pura sabedoria dele, pois estava com câncer no estômago, que infelizmente se alastrou por todos os órgãos adjacentes.
    A natureza é tão sábia...e os cachorros mais ainda, pois procuram por instinto a própria cura!

    Parabéns pelo texto e um ótimo final de semana!

    ResponderExcluir
  4. Oi Denise!
    Já vi animais procurarem ervas como hortelã, lamber terra de barranco para retirar o bicarbonato de sódio (um antiácido natural).
    Os lobos-guará comem o fruto da "Lobeira" para controlar um verme que lhes acomete o fígado...
    Realmente a natureza tem muito a ensinar ainda...
    Grata pela visita,
    Cri.

    ResponderExcluir
  5. Que pena pela sua cachorrinha! :( Mas fico muito contente por você ter encontrado uma solução para a sua gastrite, espero que continue surtindo efeito. Um abraço!

    ResponderExcluir
  6. Oi Joana!
    Animal de estimação é uma grande responsabilidade. Traz alegrias, todavia a preocupação é constante!
    Volte sempre,
    Cri.

    ResponderExcluir
  7. Anônimo28/9/13

    Resumindo voce so toma suco de goiaba

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Anônim@... grata pela visita!
      A água de canela também ajuda, no meu caso que sou avessa à antibióticos.
      Cada organismo reage bem a determinado tratamento, o outo conhecimento é fundamental para se manter bem.
      Abraços, e volte sempre.

      Excluir
  8. obrigado pelas informações fique com deus

    ResponderExcluir
  9. Bem vinda, Marina!
    Olha, um suco verde em jejum, contendo folhas de goiabeira ou um pedaço de goiaba e uma folha de couve fez milagres!
    Melhor ainda se a gente levar uma caneca d'água com canela para beber no meio da noite. Canela é bom prá tudo que termina em "ite".
    Que Deus lhe abençoe também!

    ResponderExcluir
  10. Oi, Cristina!
    Meu filho acorda todos os dias com enjoo e foi diagnósticado com gastrite. Fez tratamento mais nada funciona. Toma remédio a cada refeição e em época de estresse acorda vomitando sem ter nada no estômago. Vou testar o suco de goiaba - que ele odeia...
    Obrigada pela dica!
    Beijus,

    ResponderExcluir
  11. Espero que surta algum efeito nele, Luma... é terrível acordar mal do estômago.
    Depois que passei a comer a cada três horas, ingerir água de canela antes de dormir e tomar suco verde em jejum ( que uma vez por semana coloco folhas de goiabeira), não tive mais incômodo.
    Minha dor era de vacuidade - lá pelas duas da manhã acordava com aquela dor gelada. perdia o sono e só dormitava até amanhecer. acordava cansada!

    Beijos e torço por ele

    ResponderExcluir
  12. Bom dia!! Qdo vc diz água de canela é colocar pau de canela de molho na água ou ferver?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Não precisa ferver, deixa na garrafinha e troca uma vez por semana.
      Diminuir os carboidratos também faz milagre à gastrite!

      Excluir

Desativado

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.