28.8.14

Sufoco

Estou na labuta desde 4 h 30, colocando a roupa da noite no varal, enchendo a máquina com mais, almoço, lanches, meu suco verde, louça.
Passei aqui pela oficina 6 h 30 para organizar o dia, pedir desculpas ao marido e voei prá escola. É, ainda sobra tempo para brigar com o marido, mas já me arrependi.
A criançadinha estava subindo pelas paredes, quase literalmente. Voltei meio-dia, fiz notas fiscais, organizei, fui à lotérica pagar contas, ao depósito de materiais buscar algo para o pedreiro.
A oficina estava bufando de serviço, fone tocando, clientes chegando, trabalhos atrasados, colaboradores em horário de almoço.
Só a pouco consegui correr em casa, pegar pão (caseiro) com queijo e frutas. Minha sopinha pelando de quente a qual estou acostumada, fica para a janta. Ainda falta correr lá e esvaziar a lava-roupas.
Ontem fiquei preparando provas avaliações até 23 h 00, pois o terceiro bimestre se encerrará mais cedo. Tenho roupas a passar, pois derrubei o ferro da cama e não está funcionando. Daqui a uns meses dias, meu Par conserta...
E toda a correria é para poder sair de viagem amanhã à noite pr'um lugar que já conheço. Sobra ainda a preocupação em deixar a firma só na mão do pessoal, no sábado de manhã, pois o filho tem pós graduação em S. Carlos e não pode ajudar. 
Será que vai dar tudo certo? Veremos.

8 comentários:

  1. Puf,puf, mulher polivalente, que num suspiro consegue fazer duas ou mais coisas ao mesmo tempo, assovia e chupa cana sem desafinar.
    Bom passeio, Cris, aproveite muito.Bom descanso!
    Bjos,
    Calu

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha, Calu, valeu a correria. Descansamos e nos divertimos feito crianças!
      Outro beijão a ti, amiga

      Excluir
  2. ~ ~ Esse S.Thomé, só acreditou nas letras, quando as viu?!!

    ~ ~ Por que não foram de passeio, nos dias de festa?!!

    ~ ~ Parece ter uma perfeitura muito evoluída.

    ~ ~ Conta como foi!! ~ ~ Bjs. ~ ~

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então, Majo, a lenda que envolve a cidade é da época da escravidão, quando a igreja dominava. Só lenda mesmo!
      Vou relatar a folia.

      Beijão

      Excluir
  3. Claro que vai dar tudo certo! Uns dias de férias vale o sufoco e a correria :)) Boas férias!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ana!
      Grata pela torcida. E valeu mesmo!

      Excluir
  4. Vai dar tudo certo, Cristina.
    O mundo não para quando nós paramos...
    Desacelere, querida amiga, pois não vale a pena tanta correria! rs
    /vc me disse que precisa arranjar tempo para ler. Pois arranje-o. Viaje por terras dantes nunca visitadas, conheça pessoas, gente como a gente, com suas alegrias, tristezas, risos, lágrimas,...tudo igual, só muda o endereço...
    Bom fim de semana, descanse, aproveite!
    Beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lucinha! Você é mineirinha mesmo! Sabe que justamente o que adoro em Minas é a desaceleração?
      Quando chego aí parece que o relógio vai bem mais devagar... fez tão bem prá mim!
      E as leituras me aguardam, com os dias mais longos.
      Agradeço pelo apoio, curti mesmo,
      Grande beijo também procê

      Excluir

Desativado

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.