16.3.15

Metas a cumprir

Resultado de imagem para imagens de metas
1- Tomar um copo d'água em jejum, logo que chego à cozinha, por orientação da minha correspondente portuguesa - Majo (já comecei). Algumas gotas de limão a torna "água alcalina", tão badalada, mas prefiro pura e limpa.

2- Tomar sol (a pino) por 15 minutos nos fins de semana e feriados, para adquirir vitamina D3 (hormônio). O sol é antibiótico natural; lembra dos solários?

3- Pisar (com meu Par) uma vez por semana em chão batido (terra, grama ou areia) para descarregar as toxinas eletromagnéticas, tão presentes neste século XXI e receber os benéficos íons negativos. A terra nua é um grande antioxidante. Na esquina de baixo há a pista de corrida / caminhada.

4- Fazer e consumir mais molho pesto em pães, com variações de preparo.

5- Beber mais garapa e água de coco (no coco) e consumir mais a polpa branca da fruta. Tentar encontra óleo de coco para cozinhar.

6- Procurar ingerir mais produtos com ômega 3 (ovo caipira) e selênio.

7- Tomar uma garrafinha de leite fermentado uma vez por semana. Para meu Par, garanto-o todo dia no lanche da manhã.

8- Me esforçar mais para diminuir um ou dois kg de peso, mantendo uma margem de segurança para as férias, visto que nesta engordei (mas já reduzi).

9- Juntando tudo isto, focar na diminuição do colesterol, que há anos se mantém na casa dos 200, apesar de tanta mudança benéfica.

10- Ler mais livros de literatura sem diminuir a quantia de  textos teórico/técnicos. E imprimir três cópias desta lista!
Imagem

4 comentários:

  1. Quanta meta boa! ♥ Também tô com várias. Diárias, escritas, coladas na parede pra ir marcando os feitos. Boa sorte na nova jornada!

    ResponderExcluir
  2. Estou firme na primeira e pretendo unir segunda e terceira numa só, durante o fim de semana, dando duas voltas descalça na pista de terra batida que há na esquina.
    Para a quarta, preciso adquirir um pilãozinho urgentemente. A quinta e a sétima já consta da lista de compras.

    O resto que aguarde...

    ResponderExcluir
  3. ~ ~ Onde foste buscar essa ideia peregrina de apanhar sol a pino?

    ~ Sendo assim, a vida não era possível nos países de elevada latitude!!
    ~ Agora, tomamos suplemento vitamina D3, mas é uma medida recente.
    Toda a luz solar, mesmo a filtrada pelas nuvens e até a indireta, promove a elaboração da vitamina D que o corpo necessita.
    ~ A vitamina encontra-se no leite e seus derivados: vitelo apanha sol com casaco vestido...
    ~ No Verão, só apanho o sol do nascente e poente...
    ~ Tens de ter cuidado com a tua cara. Reparei nas fotos das férias em Minas que estavas com o rosto mais queimado que o resto do corpo.
    ~ Para andar de mota, só, mesmo, um boné.

    .

    .

    ~ Para o Selénio, como uma castanha do BRASIL, por dia. Não se pode comer mais, pois o selénio é tóxico. Pode-se adicionar ao batido.

    .

    .

    ~ Essa ideia de reduzir peso está a tornar-se mania!
    ~ Reduzir peso para poder engordar!!!
    ~ Menina, engordas nas férias, corrige depois!
    ~ Está a parecer que vais cair numa anorexia brava.

    .

    ~ ~ ~ ~ ~ Beijos muito amigos. ~ ~ ~ ~ ~
    ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~
    .

    ResponderExcluir
  4. Tomar 15 minutos de sol a pino de vez em quando não mata, Majo... Meus antepassados trabalhavam ao sol e nunca tiveram câncer de pele. Se fosse assim, o que seria de nossos índios?
    É necessário cobrir rosto e braços, enfim e expor costas e pernas, com pouca melanina. Mas a vitamina sintética não deve ser igual à natural.
    Na moto, o capacete protege o rosto. O perigo está nas mãos, que ficam muito expostas. Lambuzo de protetor a cada duas horas.
    Eu estava "de mal" com a nossa castanha, pois o preço quintuplicou. A tempos não compro, mas voltarei a utilizar me prol do selênio. O difícil é comer uma só, tão gostosa!!!

    Majo do céu! Você andou falando com minha mãe?

    Beijos de uma doidinha!

    ResponderExcluir

Desativado

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.