21.10.15

Saborização da água

Aqui no interior "nóis tá" numa metideza com a tal água saborizada, nesta primavera verônica. Virou moda fitness e ganha cada vez mais adeptos.
Eu recebi um e-mail solicitando detalhes sobre a prática de saborização.
Não há segredo: Basta utilizar uma água de boa qualidade. Eu uso água corrente do nosso sagrado Rio Jaguari Mirim, tratada pela SABESP e filtrada (tenho torneira com filtro acoplado).
Também podemos buscar água mineral corrente e gratuita na Prata, cidadezinha a 10 km daqui. Muita gente daqui faz isso ao menos uma vez na semana.
Para agregar sabor, basta utilizar produtos saudáveis como citrus ou outras frutas mais aquosas (abacaxi, maracujá roxo, maçã fugi, morango, melancia, etc). O interessante é cortar em lâminas.
Especiarias também são ótimas: Canela, gengibre,  cravo, anis, sementes de erva-doce, flor de camomila, casca desidratada de citrus.
Ervas frescas aromáticas retorcidas (temperos - manjericão, alecrim, salsa) e medicinais (chás - hortelã, capim-cidreira, erva doce, melissa, alfavaca, folhas de citrus).
Para combinar dois ou mais ingredientes, dependerá do paladar dos degustadores e da criatividade. E assim, agrega-se valor ao líquido mais nobre da Terra!
Imagem  minha - saborização com morango.