10.12.15

Hospital "Beneficiência Portuguesa" e jejum

Resultado de imagem para imagem estudos randomizados
Os estudos científicos sérios sobre Jejum Intermitente já chegaram ao Brasil a algum tempo. Nomes como Caramelli e Melo realizam estudos sistemáticos (é só associá-los à palavra "jejum" na busca). 
Este, realizado em camundongos, conclui "forte redução da resposta inflamatória que pode representar um mecanismo potencial para a prevenção da aterosclerose".
Até o momento, não há trabalhos conclusivos, e podem demorar anos. Lá fora, os experimentos estão mais adiantados e pacientes deste pesquisador já se beneficiam. Ele tem observado que o jejum intermitente muda o organismo que vive em "modo de crescimento" para o "modo de reparo". E esta é a fonte da juventude.
A pesquisadora Edielle Melo concluiu que a aderência a este tipo de dieta é mais alta que nas dietas restritivas para a grande maioria dos pacientes, sendo então alternativa de tratamento eficiente.
Apesar de meu fascínio pelo jejum desde a infância, eu pesquisei bastante e iniciei gradativamente, conforme relatado em outros posts. Meu caso é prevenção, pois tenho 51 anos.
Ainda há pensamentos retrógrados sobre jejum na área médica, que não é preventiva. Eu não aconselho ninguém a jejuar, contudo aconselho a estudar a sério o tema, principalmente sobre trabalhos clínicos estrangeiros.
Diabético, veja aqui. Fitness veja este. Nerd, olhe aqui. Para longevidade, veja este. Doente crônico, estude Varady. Há trabalhos para todos os gostos, inclusive as revisões bibliográficas do Dr. Souto.
O organismo demora cerca de 8 horas para metabolizar as reservas (glicogênio). Após o fim do combustível, a chave muda para "modo queima de gordura" - armazenada - a cetose (tipo carro flex).
Cetoadaptados fazem isso naturalmente - já possuem as enzimas ativadas. Leva-se semanas ou meses para tais enzimas serem eficientes. O jejum requer etapas preparatórias e auxílio médico para que seja eficiente e não deficiente. 
Aqui, um protocolo 5 X 1 = 5 dias comendo e dois (intercalados) jejuando.
Imagem Google.