9.3.16

Dormi feito pedra

Resultado de imagem para imagem biscoitão mineiro
Essa nova sala de aula com 25 bebezões, como todo ano, é exaustiva. 
No período da tarde, ontem "ferveu" - tive que sair várias vezes com a moto, o telefone não parava, fui ao banco, clientes chegando e saindo...
E eu estava determinada a deixar a semana de aulas seguinte pronta toda terça-feira para correr em paz na quarta. Fiquei nessa oficina até após 19h00 preparando o semanário escolar.
Voltei e fui lavando louça, mais banho e cabelo, ajeitadinha na casa. Bateu uma canceira! Fui dormir 20h30 e apaguei até 3h00 da madrugada, quando acordei seca de sede.
Devido aos fogaços que surgem a cada 3 horas (calorões da menopausa), acordo esbaforida e custo a dormir novamente - são sonos miúdos.
Ontem, tomei meu suco verde habitual de manhã, almocei sopinha com carne, sobremesa 1 laranja. Chocolate amargo - 1 quadradinho (2). Esqueci de comer as várias goiabas habituais que me sustentam até a noite.
Por volta de 16h00 a fome bateu forte;  peguei um biscoitão de polvilho na padaria (que me enamorava a tempos); peguei também um pedaço de bolo de fubá - "pé na jaca" completo.
Devorei o biscoitão (Ô trem bão!) na hora; e após preparar aulas, "jantei" o bolo. Duas refeições repletas de carboidratos podem ter me afetado negativamente, daí a leseira da noite... sei lá. 
Hoje jantarei apenas salada com carne, coco e amendoim. Frutas de sobremesa - nada de overdose novamente!

Imagem Net.