24.7.16

Comer fora; volta às aulas...

Resultado de imagem para leitoa pururuca couve vinagrete
Eu adoro almoçar no "Sítio dos Amigos", que fica à beira do nosso Rio Jaguari. É o rancho do irmão de minha concunhada (e também meu cabeleireiro e também meu cupido).
Sim, foi ele que levou o Par até mim, em março de 1980...
Minha mãe também está viciada nos deliciosos almoços do João. Ele usa vegetais locais e tempero caseiro.
Funciona assim: alguém encomenda com ele, reserva, vai convidando as pessoas "chegadas" e depois passa para ele o cardápio e número de "cabeças"; o pagamento é por pessoa e não por porção.
Eu organizei em junho, angariei cerca de 35 pessoas para uma feijoada. Hoje, minha outra concunhada juntou quase a mesma quantia de pessoas (parentes dela de fora) e lá fomos eu, o Par e a Mãe. O prato principal foi leitoa caipira (de lá mesmo) à pururuca.
Me servi de couve refogada, chuchu ao molho branco, salada de beterraba acebolada, vinagrete, uma conchinha de feijoada e a leitoa com aquela pele crocante... 
De sobremesa, 2 laranjas e uma bala que a mãe me deu. Ah, levei água mineral que colhi fresquinha na fonte em Águas da Prata - "água prata" - enquanto pedalava cedinho.
Resultado de imagem para imagem café fumegante
Agora, estou aqui com um revigorante cafezinho amargo engatilhando um jejum intermitente até terça-feira 10 h 00, quando haverá o lanche do último dia de curso. Estou de férias... quarta-feira voltaremos a lecionar normalmente.
Na semana passada, escolhi um curso sobre alimentação saudável e obesidade infantil. 
No módulo sobre alimentação saudável, o que salvou foi o "Guia Alimentar" que as nutris pincelaram; de mais, tive que me segurar - indicam 6 refeições diárias como se todos saíssemos iguaizinhos da linha de montagem, abominam a banha de porco tão natural e sugerem óleo "canola" ultraprocessado e cheio de ômega 6, com muuuito carboidrato!
Adorei o módulo sobre obesidade infantil - assustadoramente preocupante e difícil de reverter. Aquela imagem de criança se entupindo com "imitação de comida", sedentariamente em frente à TV, virou rotina. Criar filho dentro de apartamento (sem a largueza dum quintal), ingerindo carboidratos ultraprocessados, não é boa fórmula...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Desativado

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.