10.4.18

Discussão Nutricional no Parlamento Europeu

ORIGINAL AQUI ; AQUI E AQUI
Resultado de imagem para livro detox 21 dias


Médicos de renome, como Aseem Malhotra, estarão unindo forças em um painel de discussão no Parlamento Europeu em Bruxelas na próxima quinta-feira, 12 de abril.
A indústria alimentícia e a farmacêutica realmente matam pessoas por lucro? O debate descortinará o mundo obscuro do lobby da Big Food e da Big Pharma "para influenciar diretrizes dietéticas e médicas".
Eles apresentarão evidências de como as indústrias de alimentos e medicamentos têm coagido os médicos a prescrever tratamentos desnecessários e potencialmente prejudiciais. Acabarão com a "epidemia de desinformação" no meio médico e nutricional.
Esse grupo de cientistas médicos defende a redução do consumo de açúcar (farináceos e comida industrial), além dos danos de se intoxicar com "excesso de remédios".
"Choosing Wisely" é um grupo norte-americano fundado para iniciar conversas entre médicos e pacientes, combatendo tratamentos desnecessários. Esse grupo estará com eles.
Com os sistemas de saúde globais previstos para entrar em colapso nos próximos anos, duas coisas impulsionam a demanda cada vez maior: A carga crescente de doenças crônicas causadas pelo estilo de vida e o excesso de tratamento arbitrário e desnecessário, levando inúmeras pessoas a tomarem drogas e passarem por cirurgias com “benefício zero” e  muitos efeitos colaterais, ao mesmo tempo em que custam bilhões ao sistema de saúde.
Controvertidas drogas redutoras de colesterol, conhecidas como estatinas, ficarão sob os holofotes no evento em Bruxelas. Sir Thomson pediu por uma investigação independente sobre os medicamentos campeões de vendas, depois que as pesquisas descobriram que os dados dos testes existentes são falhos.
Haverá uma chamada aos diabéticos (tipo 1 e 2) a ignorar as diretrizes atuais do governo para dietas baixas em gordura. Em seu lugar, mostrarão o benefício para os diabéticos de seguir diretrizes que reflitam evidências científicas robustas e independentes. 
A nutrição correta (cortar açúcar,  farináceos e comida industrial) reduziria a dependência de medicamentos para diabetes e insulina em mais de 50%. 
Os membros do painel pedirão uma revisão completa das diretrizes nutricionais para remover a influência da Big Food e da Big Pharma.